Terça, 05 de dezembro de 2017, 14h00
Sem paciência
Ministra dá prazo para TJ revelar salários

DA REDAÇÃO

carmem lucia

Ministra Cármen Lúcia, do STF: ultimato aos presidentes de tribunais de Justiça sobre "supersalários"

Presidente do STF, a ministra Cármen Lúcia perdeu a paciência com os presidentes dos tribunais de Justiça e exigiu que eles enviassem tabelas com todos os vencimentos dos magistrados.

No fim da tarde de segunda-feira (4), em reunião com os magistados, no CNJ, a ministra cobrou: "Eu entreguei a todos uma planilha no dia 20 de outubro. Até hoje, dia 4 de dezembro, não recebi as informações de novembro e dezembro. Espero que, em 48 horas, se cumpra essa determinação, para que eu não tenha que acioná-los oficialmente".

Em agosto, Cármen Lúcia cobrou fiscalização rigorosa do CNJ contra os “supersalários”, identificados nas folhas de pagamento de juízes de Mato Grosso (leia AQUI), e obrigou os tribunais a fornecerem cópias das folhas de contracheques de magistrados desde janeiro.

O tribunal que não cumprir a determinação feita pelo CNJ será alvo de investigação, a partir de um procedimento de “correição especial”, ou seja, a grosso modo, uma quebra de sigilo


Fonte: Midia Jur |
Visite o website: http://midiajur.com.br/