Artigos
  • GILMAR MENDES
    Esse procedimento acaba sendo o meio para coibir interpretações equivocadas e mesmo abusos na prisão
  • ELVIS KLAUK JR
    Antes de fechar negócio é muito importante verificar se o imóvel está com os respectivos documentos em ordem
  • PAULO LEMOS
    Na política, há um quadro crônico e agudo de delírios, alucinações, desejos, impulsos e compulsões
OAB / FUTUROS ADVOGADOS

Tamanho do texto A- A+
25.12.2016 | 15h24
Índice de aprovação na XX fase do Exame de Ordem fica em 22%
Pela primeira vez a UnB não encabeça a lista das instituições com maior índice de aprovação
Reprodução
Foram 115,3 mil inscritos na última versão da prova, para 25,2 mil aprovados
DO CONJUR

O Conselho Federal da OAB divulgou esta semana a lista de aprovações no Exame de Ordem de acordo com as faculdades da onde saíram os candidatos. Foram 115,3 mil inscritos na última versão da prova, para 25,2 mil aprovados, um índice de aprovação de 22%.

O maior índice do Brasil foi da Universidade Federal de Minas Gerais, que teve 80,85% de seus alunos candidatos aprovados. Depois vem a Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas, do Ibemc em Minas, que teve uma taxa de aprovação de 80%.

Em Brasília, um fato histórico: pela primeira vez a Universidade de Brasília não encabeçou a lista de mais aprovados da cidade. Enquanto a UnB registrou índice de 60% de aprovação, a Escola de Direito de Brasília, do IDP, ostentou a cifra de 65% de seus alunos aprovados no Exame de Ordem. O IDP também apresentou um dos maiores crescimentos no número de aprovados: na edição anterior da prova, 48% dos inscritos se tornaram advogados. Um crescimento de 27% de uma prova para a outra.

Depois das faculdades mineiras, a que mais aprovou foi a Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, a UniRio. De acordo com o ranking da OAB, 75% dos alunos da instituição já podem se dizer advogados. Em segundo lugar, ficou a faculdade de Direito da USP de Ribeirão Preto, onde 74% dos inscritos foram aprovados no Exame de Ordem.

A Faculdade de Direito do Largo de São Francisco, a mais antiga do Brasil e que hoje faz parte da USP, registrou índice de aprovação de 70%. O curso de Direito da Federal de Pernambuco (UFPE) aprovou 68% de seus inscritos. A Faculdade de Direito do Recife hoje integra a UFPE. Foi criada no mesmo dia que a Faculdade de Direito da USP, mas sob o nome de Faculdade de Direito de Olinda.

Além delas, a Universidade Federal de Goiás (UFG) também registrou alto índice de aprovação, de 70%. É a mesma cifra da Federal da Paraíba, Campus João Pessoa.

*Texto editado às 11h38 do dia 25 de dezembro para correção de informação. As maiores taxas de aprovação são da UFMG e do Ibmec de Minas, e não da UniRio, como dizia a primeira versão deste texto.

Clique aqui para ver a lista completa.


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Janeiro de 2018
17.01.18 16h07 » 800 advogados de MT podem ter registro suspenso pela OAB
17.01.18 15h57 » OAB de MT requer ação contra lei que reduz valor da RPV
03.01.18 16h58 » OAB divulga calendário de provas do Exame de Ordem em 2018
Novembro de 2017
24.11.17 11h29 » Advogado é preso após causar confusão em agência bancária
16.11.17 17h37 » Cerca de 2 mil advogados de MT podem ser suspensos
09.11.17 08h19 » Workshop na OAB-MT discute como resolver conflitos familiares
06.11.17 10h00 » OAB questiona dispositivo que tipifica delito de desacato a agente público
01.11.17 17h56 » Juiz atuou no próprio processo em que é parte, diz ex-vice da OAB
Outubro de 2017
31.10.17 16h07 » OAB-MT diz que vai acionar policial acusado de agredir advogado
25.10.17 16h18 » Presidente da OAB de Osasco é presa ao receber propina de vereador



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet