Artigos
  • VICTOR MAIZMAN
    O Poder Público deve enxergar aqueles que são a quase totalidade do setor produtivo do nosso Estado
  • JULIANO RIZENTAL
    Em MT, o regimento do TCE disciplinou que outros atores sociais podem dar início a processos de fiscalização
  • CARLOS ARECO
    O impacto criminal do decreto estadual n. 08/2019 e o artigo 96 da lei de licitações nº.8.666/93
MPE / CRECHES DE CUIABÁ

Tamanho do texto A- A+
24.05.2018 | 10h37
MPE notifica Cuiabá para comprovar matrícula de 736 crianças
Município deve mostrar ampliação progressiva da oferta de vagas em creches ainda em 2018
Reprodução
DA REDAÇÃO

O Ministério Público Estadual, por meio da 8ª Promotoria de Justiça Cível, notificou o secretário municipal de Educação de Cuiabá, Alex Vieira Passos, para que no prazo de 30 dias comprove a matrícula na rede municipal de ensino, na modalidade creche, de 736 crianças – de 0 a 3 anos de idade - que estariam na fila de espera aguardando uma vaga. O número é referente ao acumulado de 2017 e 2018.

O município deverá, ainda, apresentar no prazo máximo de 30 dias, informações comprovadas sobre o planejamento da Secretaria Municipal de Educação para a ampliação progressiva da oferta de vagas em creches ainda em 2018, mediante a construção de novas unidades ou ampliação da rede conveniada.

Na notificação o MPE ressalta que é de responsabilidade dos municípios oferecer educação infantil em creches e pré-escolas - “esta considerada a primeira etapa da educação básica, cuja finalidade é o desenvolvimento integral da criança de até 5 anos, em seus aspectos físico, psicológico, intelectual e social, completando a ação da família e da comunidade”.

O MPE destaca, também, que o poder público quando se abstém de cumprir, total ou parcialmente, o dever de implementar políticas públicas definidas no próprio texto constitucional, transgride a própria integridade da Carta Magna, estimulando o fenômeno da erosão da consciência constitucional.

O promotor de Justiça, Miguel Slhessarenko Junior, ressalta sobre a importância do município trabalhar no sentido de reduzir progressivamente a demanda reprimida e destaca que o MPE está à disposição para deliberação de possível ajustamento de conduta tendo como objeto a ampliação das vagas em creches na rede municipal de ensino de Cuiabá.


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Fevereiro de 2019
22.02.19 17h30 » MPE aciona Município por autorizar ocupação de área pública
22.02.19 17h05 » MPE suspeita de improbidade, abre inquérito e decreta sigilo
22.02.19 10h43 » MPE pede que Mendes e TCE barrem nomeação e posse de Maluf
21.02.19 16h02 » MPE cita Maluf réu e notifica AL para anular indicação ao TCE
20.02.19 16h59 » MPE investiga Mendes e Gallo por obra sem licitação na Prefeitura
20.02.19 08h33 » Turin diz que MPE pode contestar nomeação de réu em processo
18.02.19 14h49 » MPE propõe ação contra servidor que teria “forjado” ficha funcional
16.02.19 09h29 » MPE se aprofunda em fatos apurados durante CPI da Câmara
14.02.19 09h03 » MPE move ação para retomada de atendimento em hospital
13.02.19 17h03 » Após dano ambiental, MPE quer tornozeleira em chefe do Detran



Copyright © 2019 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet