Artigos
  • LUIZ FLÁVIO GOMES
    O habeas corpus protocolado em favor do ex-presidente Lula começou juridicamente errado

Tamanho do texto A- A+
07.03.2018 | 17h35
Juíza detona
“Riva assacou Assembleia Legilslativa sem piedade”, diz Selma Arruda
DA REDAÇÃO

 

Selma Arruda 18-09-2017

A juíza Selma Arruda, que criticou ex-deputado Riva

Na decisão em que condenou o ex-deputado José Riva a 26 anos e oito meses de prisão na ação da Operação Imperador, a juíza Selma Arruda não economizou “elogios” ao político.

No processo, do qual Riva é réu confesso, o Ministério Público Estadual (MPE) denunciou esquema que teria resulado em desvio de mais de R$ 62 milhões da Assembleia. Segundo a magistrada, Riva foi “extremamente ganancioso” ao cometer os crimes.

“Durante anos a fio, a Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso foi assacada sem piedade pelo acusado, mediante a utilização de várias empresas fantasmas e da simulação de contratação de serviços ou aquisição de bens”.

“Mais do que isso: nesta unidade judiciária tramitam dezenas de processos tratando de outros desvios praticados em situação semelhante, relativamente aos quais o próprio José Geraldo também é confesso. Trata-se, portanto, de um contexto muito maior que retrata que os crimes foram praticados durante anos a fio, visando verdadeira sangria nos cofres da Assembleia Legislativa de Mato Grosso”, disse ela.


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Julho de 2018
13.07.18 16h06 » Conduta vedada
13.07.18 11h01 » Ex-prefeita de Juara
12.07.18 16h02 » Presos na Bereré
11.07.18 17h02 » Esquema milionário
10.07.18 16h36 » Alvo da Rêmora
09.07.18 11h45 » Desvios no Detran
05.07.18 17h56 » Grampolândia
03.07.18 17h50 » “Sono dos justos”
03.07.18 16h57 » MPF e PF: omissão
02.07.18 17h03 » Crime ambiental



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet