Artigos
  • VICTOR MAIZMAN
    Juridicamente é irrelevante o nome que se dá ao tributo, devendo ser definido o tributo através de seu fato gerador
  • RENATO GOMES NERY
    Não pode a Justiça afirmar que tal cor um dia é preta e no outro dia é branca; isto leva ao descrédito
  • VALBER MELO E FILIPE MAIA BROETO
    Ao implementar-se o método do discovery, eliminar-se-ão os "blefes", os "trunfos", as "jogadas desleais", bem como os eventuais "jogadores espertos"

Tamanho do texto A- A+
31.10.2017 | 15h03
Grampos
Ministro do STJ se nega a informar sobre inquéritos
DA REDAÇÃO
Mauro Campbell

O ministro Mauro Campbell, responsável pela investigação dos "grampos"

O ministro Mauro Campbell, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), se negou a prestar informações sobre o andamento das investigações relacionadas ao esquema de escutas ilegais em Mato Grosso.

No mês passado, todos os inquéritos relacionados ao caso “subiram” ao gabinete de Campbell, após ele decidir que era de sua competência, e não do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, a condução das investigações.

A redação entrou em contato com a assessoria do ministro para saber se os inquéritos já haviam chegado no STJ e quais seriam as próximas etapas da investigação. Todavia, nenhuma informação foi repassada sob o argumento de que o caso tramita sob sigilo


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Julho de 2018
13.07.18 16h06 » Conduta vedada
13.07.18 11h01 » Ex-prefeita de Juara
12.07.18 16h02 » Presos na Bereré
11.07.18 17h02 » Esquema milionário
10.07.18 16h36 » Alvo da Rêmora
09.07.18 11h45 » Desvios no Detran
05.07.18 17h56 » Grampolândia
03.07.18 17h50 » “Sono dos justos”
03.07.18 16h57 » MPF e PF: omissão
02.07.18 17h03 » Crime ambiental



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet