Artigos
  • VINÍCIUS SEGATTO
    Você já se questionou por qual razão ele existe, qual a sua verdadeira aplicabilidade ou, até mesmo, qual é ou será o seu destino?

Tamanho do texto A- A+
16.10.2017 | 11h50
Contrato suspeito
Tribunal de Contas do Estado manda ex-Secopa restituir cofres públicos
DA REDAÇÃO

Edson Rodrigues/Secopa

Mauricio Guimaraes

O ex-secretário da Secopa, Maurício Guimarães, que terá que restituir os cofres públicos

Depois de ser alvo da Operação Descarrilho, da Polícia Federal – que investigou suspeitas de desvios nas obras do VLT -, o ex-secretário da Secopa, Maurício Guimarães, agora está na mira do TCE.

Ele e mais três ex-assessores terão que devolver aos cofres públicos R$ 37.562,50, referentes à contratação de um escritório de advocacia que recebeu, mas não teria prestado o serviço contratado.

Além de Maurício Magalhães, devem restituir o erário, de forma solidária, o ex-secretário adjunto de Infraestrutura, Alysson Sander de Souza; o ex-assessor especial e fiscal do contrato, Rafael Detoni Moraes; e a os responsáveis pela empresa contratada, Biazzo Simon Advogados.


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Julho de 2018
13.07.18 16h06 » Conduta vedada
13.07.18 11h01 » Ex-prefeita de Juara
12.07.18 16h02 » Presos na Bereré
11.07.18 17h02 » Esquema milionário
10.07.18 16h36 » Alvo da Rêmora
09.07.18 11h45 » Desvios no Detran
05.07.18 17h56 » Grampolândia
03.07.18 17h50 » “Sono dos justos”
03.07.18 16h57 » MPF e PF: omissão
02.07.18 17h03 » Crime ambiental



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet