Artigos
  • RITA DE CASSIA BUENO
    Vale ressaltar que a prisão não extingue o débito alimentar, não isentando o devedor de pagar os valores vencidos e vincendos

Tamanho do texto A- A+
02.10.2017 | 16h02
Efeito STF
Magistrado de Mato Grosso pode antecipar aposentadoria
DA REDAÇÃO
Polícia Federal

Operação pode ter Judiciário e MPE como alvos

Circula nos bastidores do meio jurídico o comentário de que o ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), estaria investigando magistrados e membros do Ministério Público Estadual (MPE), citados nas delações do ex-governador Silval Barbosa (PMDB) e do ex-secretário da Casa Civil, Pedro Nadaf.

Um dos eventuais alvos, do Judiciário, estaria, até mesmo, querendo antecipar seu pedido de aposentadoria, temendo uma eventual operação da Polícia Federal.


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Julho de 2018
13.07.18 16h06 » Conduta vedada
13.07.18 11h01 » Ex-prefeita de Juara
12.07.18 16h02 » Presos na Bereré
11.07.18 17h02 » Esquema milionário
10.07.18 16h36 » Alvo da Rêmora
09.07.18 11h45 » Desvios no Detran
05.07.18 17h56 » Grampolândia
03.07.18 17h50 » “Sono dos justos”
03.07.18 16h57 » MPF e PF: omissão
02.07.18 17h03 » Crime ambiental



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet