Artigos
  • LUIZ FLÁVIO GOMES
    O habeas corpus protocolado em favor do ex-presidente Lula começou juridicamente errado

Tamanho do texto A- A+
11.09.2017 | 17h54
Dinheiro vivo
Silval Barbosa pagou R$ 1 milhão por rádios do ex-deputado Riva
DA REDAÇÃO
Silval e Riva

O ex-governador Silval Barbosa e o ex-deputado José Riva

O empresário Antonio Barbosa da Cunha Filho, o “Toninho Barbosa”, afirmou, em delação premiada ao MPF, que seu irmão, o ex-governador Silval Barbosa (PMDB), pagou R$ 1 milhão pela compra de cinco emissoras de rádio, que formavam o "Sistema Integrado de Comunicação", de propriedade do ex-deputado José Riva.

Segundo o delator, o pagamento foi feito em dinheiro vivo: uma parcela de R$ 500 mil e outras cinco de R$ 100 mil.

As emissoras, obtidas por Riva por meio de concessão, estão localizadas nas cidades de Peixoto de Azevedo, Terra Nova, Arenápolis e Paranatinga e Comodoro.

O dinheiro era originário de propina da empresa de crédito consignado Consignum, de Willians Mischur, réu na Operação Sodoma.

Conforme Toninho Barbosa, o pagamento era feito diretamente a um preposto de Riva, no escritório político de Silval, no Centro Empresarial Paiaguás, na Avenida do CPA, na Capital.


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Julho de 2018
13.07.18 16h06 » Conduta vedada
13.07.18 11h01 » Ex-prefeita de Juara
12.07.18 16h02 » Presos na Bereré
11.07.18 17h02 » Esquema milionário
10.07.18 16h36 » Alvo da Rêmora
09.07.18 11h45 » Desvios no Detran
05.07.18 17h56 » Grampolândia
03.07.18 17h50 » “Sono dos justos”
03.07.18 16h57 » MPF e PF: omissão
02.07.18 17h03 » Crime ambiental



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet