Artigos
  • VICTOR MAIZMAN
    Se agente público pode agir de forma discricionária, Constituição censura atitudes incoerentes

Tamanho do texto A- A+
11.04.2017 | 11h10
Deu no Estadão
MPE estaria resistente à delação de Silval
DA REDAÇÃO

A coluna Estadão, do jornal O Estado de S. Paulo, publicou, na manhã desta terça-feira (11), uma nota dando conta de que o Ministério Público de Mato Grosso (MPE-MT) estaria “resistente” em aceitar um possível acordo de delação premiada do ex-governador Silval Barbosa (PMDB).

Silval está preso desde setembro de 2015 e é acusado de liderar esquemas de fraudes e desvio de recursos públicos em Mato Grosso.

“Preso há um ano e meio, o ex-governador de Mato Grosso Silval Barbosa promete delatar gente graúda que apoiava o seu governo e agora está com o tucano Pedro Taques, mas enfrenta resistências da promotoria do Estado”, diz a coluna assinada pelos jornalistas Andreza Matais e Marcelo de Moraes.

Se de um lado “pipocam” informações de que o ex-governador estaria disposto a delatar uma série de esquemas, de outro, sua defesa nega qualquer possibilidade neste sentido.


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Maio de 2017
24.05.17 14h29 » Big Brother
24.05.17 09h31 » "A" pergunta
24.05.17 09h27 » Efeito grampos
23.05.17 11h39 » Contra a Avianca
23.05.17 11h38 » Grampolândia
23.05.17 11h37 » Efeito JBS?
22.05.17 14h44 » Rêmora
22.05.17 14h43 » Leves e soltos
22.05.17 14h42 » Grampos
22.05.17 14h42 » Propina



Copyright 2012 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet