Artigos
  • VICTOR MAIZMAN
    Se agente público pode agir de forma discricionária, Constituição censura atitudes incoerentes

Tamanho do texto A- A+
03.04.2017 | 18h01
Riva confessa
“Me arrependo, mas não roubei R$ 500 milhões”
DA REDAÇÃO

Ao continuar sua saga de confissões à Justiça, o ex-deputado estadual José Riva voltou a citar nomes de mais políticos que também teria integrado esquemas na Assembleia Legislativa.

Riva afirmou que está arrependido, mas que não fez nada sozinho. Ele chegou a citar o nome de 34 deputados e ex-deputados que teriam se beneficiado de “mensalinhos” pagos pelos governos Dante de Oliveira, Blairo Maggi e Silval Barbosa.

"Quero deixar bem claro que é uma situação que me arrependo de verdade. Não queria ter feito, tomei a decisão errada, infelizmente. Quero prestar contas com a sociedade. Não roubei R$ 500 milhões, mas participei desse esquema", disse, em audiência ocorrida nesta sexta-feira (31).


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Maio de 2017
22.05.17 14h44 » Rêmora
22.05.17 14h43 » Leves e soltos
22.05.17 14h42 » Grampos
22.05.17 14h42 » Propina
22.05.17 14h41 » JBS e Propina
22.05.17 14h41 » “Arapongagem”
22.05.17 14h40 » Alvo do Gaeco
19.05.17 09h25 » Lista de grampos
19.05.17 09h25 » Em sigilo
19.05.17 09h22 » "Cartas Marcadas"



Copyright 2012 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet