Artigos
  • JOAQUIM SPADONI
    Os salários que são pagos com nosso dinheiro devem ter critérios claros, pautados e limitados em Lei
  • RENATO NERY
    Apesar dos grande avanços, está-se liquidando o que ainda resta da nobre e festejada profissão

Tamanho do texto A- A+
20.03.2017 | 17h55
À prova de bala
MPE faz pregão para compra de coletes
DA REDAÇÃO
MPE

Sede da Procuradoria Geral de Justiça: compra de coletes para proteção

Procuradoria Geral de Justiça de Mato Grosso acaba de definir um registro de preços para compra de coletes à prova de bala

Companhia Brasileira de Cartuchos foi a vencedora, e fornecerá coletes modelos policial e executivo social, voltado ao uso dissimulado, ao custo de R$ 55 mil.
 
No total, o Ministério Público Estadual deve adquirir mais de 50 coletes, para proteção de promotores e procuradores de Justiça, assim como de policiais que atuam no órgão.
 
Em época de combate intenso à corruptos e outras modalidades de bandidos que agem em Mato Grosso, todo cuidado é necessário.

Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Agosto de 2017
19.08.17 10h53 » Polêmica
19.08.17 10h50 » Deu no "UOL"
18.08.17 14h24 » HC "familiar"
18.08.17 11h27 » Faespe na mira
18.08.17 09h30 » Na Justiça
18.08.17 09h26 » "Acusação grave"
17.08.17 11h06 » Após polêmica
16.08.17 16h08 » Holerite gordo
16.08.17 11h42 » Salário de juiz
15.08.17 16h47 » Continua preso



Copyright 2012 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet