Artigos
  • VICTOR MAIZMAN
    Juridicamente é irrelevante o nome que se dá ao tributo, devendo ser definido o tributo através de seu fato gerador
  • RENATO GOMES NERY
    Não pode a Justiça afirmar que tal cor um dia é preta e no outro dia é branca; isto leva ao descrédito
  • VALBER MELO E FILIPE MAIA BROETO
    Ao implementar-se o método do discovery, eliminar-se-ão os "blefes", os "trunfos", as "jogadas desleais", bem como os eventuais "jogadores espertos"
STF / NO LUGAR DE TEMER

Tamanho do texto A- A+
13.04.2018 | 10h35
Cármen Lúcia assume Presidência da República
Ministra deverá permanecer no cargo entre a tarde desta sexta e sábado
Rosinei Coutinho/SCO/STF
A ministra Cármen Lúcia, presidente do STF
GUILHERME MAZUI
DO G1

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, assume a Presidência da República nesta sexta-feira (13). Segundo o STF, Cármen Lúcia deverá despachar do Palácio do Planalto, sede da Presidência.

A ministra tem previsão de ficar no exercício da Presidência entre a tarde desta sexta e o sábado, já que o presidente Michel Temer vai ao Peru para participar da Cúpula das Américas.

Como o Brasil não tem vice-presidente no momento, os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia, e do Senado, Eunício Oliveira, são os seguintes na linha sucessória. Contudo, eles também realizam viagens ao exterior.

Rodrigo Maia embarcou nesta quinta (12) para o Panamá. Lá, ele participa de reunião do Parlatino, o parlamento latino-americano. A previsão é de retorno também no sábado.

Eunício embarcou para uma visita oficial ao Japão, com previsão de retornar apenas no fim de semana seguinte.

Temer na Cúpula das Américas

Temer tem previsão de embarcar às 11h para Lima, onde participa nesta sexta e sábado da 8ª Cúpula das Américas, que reúne chefes de Estado e de governo dos países do continente.

O emedebista deve chegar à tarde no Peru. Sua agenda prevê reunião com o presidente da Câmara de Comércio dos Estados Unidos, Thomas Donohue, e com o presidente de Honduras, Orlando Hernández Alvarado.

A cerimônia de abertura da cúpula está marcada para as 18h no horário local (20h no horário de Brasília). Após, será oferecido um jantar aos demais chefes de Estado ou governo.

A sessão plenária da cúpula encontro ocorre no sábado (14), quando Temer deve iniciar o retorno ao Brasil. De acordo com o Ministério das Relações Exteriores (MRE), a 8ª Cúpula das Américas tem como tema “governabilidade democrática frente à corrupção”.

Lewandowski

Situação similar ocorreu em 2014, com o então presidente do STF Ricardo Lewandowski, que assumiu a Presidência da República.

 

Na oportunidade, Dilma Rousseff foi aos Estados Unidos e o vice Michel Temer ao Uruguai. À época presidentes da Câmara e do Senado, Henrique Alves (MDB-RN) e Renan Calheiros (MDB-AL) não assumiram o posto porque alegaram impossibilidades eleitorais.


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Outubro de 2018
17.10.18 17h44 » Barroso valida delação de dono da Engevix que cita Temer
16.10.18 08h33 » Ministro do STF determina arquivamento de inquérito contra Maggi
15.10.18 16h18 » Novelli cita baixa produtividade de substitutos e pede para voltar
11.10.18 17h02 » STF reafirma legalidade da terceirização em atividades-fim
10.10.18 16h42 » Lewandowski concede decisão para Garotinho não ser preso
10.10.18 14h38 » STF prorroga investigação contra deputado de MT delatado por Silval
05.10.18 15h57 » Gilmar Mendes manda soltar irmão de Beto Richa e mais 7
04.10.18 17h02 » Gilmar Mendes lança livros sobre Constituição e atuação no STF
04.10.18 08h01 » Celso de Mello homologa delação premiada fechada por Marcos Valério
03.10.18 16h19 » Não há necessidade de uma nova Constituinte, afirma Dias Toffoli



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet