Artigos
  • JUNIOR MACAGNAM
    Em mais de 30 anos de democracia, de que valeu o foro especial? Apenas para a corrupção
  • VICTOR MAIZMAN
    Pela iniciativa popular, podem ser criadas não somente leis, como também, revogá-las
  • CARLOS RAFAEL DE CARVALHO
    Medida deve ser avaliada com ressalvas porque pode beneficiar mais aos bancos do que aos consumidores
STF / PAUTA DO SUPREMO

Tamanho do texto A- A+
16.02.2017 | 08h21
Maioria do Supremo nega liberdade para Cunha
O relator já foi acompanhado pelos ministros Luís Barroso, Rosa Weber, Dias Toffoli, Gilmar Mendes.
DIVULGAÇÃO
DO ISTOÉ

Em voto lido no Plenário do Supremo Tribunal Federal nesta quarta-feira, 15, o ministro Luís Fachin, relator da Lava Jato, decidiu pela manutenção do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB/RJ) na cadeia.

A defesa do peemedebista tentou, via Reclamação à Corte máxima, derrubar a ordem de prisão imposta pelo juiz federal Sérgio Moro. “Voto pela manutenção da decisão agravada e pelo não conhecimento de concessão do pedido de habeas corpus”, decidiu Fachin. 

O relator já foi acompanhado pelos ministros Luís Barroso, Rosa Weber, Dias Toffoli, Gilmar Mendes.

Em sua fala, o ministro Marco Aurélio questionou: “O que estamos a julgar neste processo? Estamos a julgar Eduardo Cunha? A definir a culpa de Eduardo Cunha?

Não estamos a julgar o acusado, até aqui simples acusado, muito embora já crucificado pela opinião pública.” 

Fonte: http://istoe.com.br/maioria-do-supremo-nega-liberdade-para-cunha/?utm_source=terra&utm_medium=home&utm_campaign=parceiro  


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Maio de 2018
18.05.18 10h51 » Nadaf diz que associação teria pago R$ 2 mi de propina a Riva
18.05.18 10h37 » STF “desce” para MT ação que acusa Bezerra de fraudar certame
16.05.18 09h05 » STF manda Governo pagar duodécimos atrasados da Defensoria
15.05.18 10h17 » Fux poderá “descer” inquérito contra Blairo para 1ª Instância
08.05.18 17h38 » Moraes tira inquérito sobre Aécio do STF e envia à 1ª instância
08.05.18 17h33 » STF torna Geddel e Lúcio Vieira Lima réus no caso dos R$ 51 milhões
08.05.18 13h57 » Ministro "desce" ação contra senador de MT para a 1ª instância
07.05.18 17h57 » Barroso prorroga por mais 60 dias inquérito que investiga Temer
05.05.18 09h40 » STF deve julgar na quarta pedido que pode ampliar foro privilegiado
05.05.18 09h34 » Cármen Lúcia quer solução para auxílio-moradia de juízes até junho



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet