Artigos
  • MAURO VIVEIROS
    O delator estará sempre em melhores condições morais que os delatados, que costumam negar crimes contra evidências
  • VICTOR MAIZMAN
    Expediente traz insegurança jurídica, uma vez que sua edição gera efeitos, mesmo sendo provisória
T. Superiores / HABEAS CORPUS

Tamanho do texto A- A+
29.12.2016 | 15h16
Prefeito eleito tem prerrogativa de foro mesmo antes da posse
Ministra Laurita concedeu liminar em HC de prefeito eleito em Osasco/SP para determinar remessa ao TJ
Reprodução
A presidente do STJ, ministra Laurita Vaz, concedeu parcialmente uma liminar em HC ao prefeito eleito em Osasco/SP, Rogerio Lins Wanderley
DO MIGALHAS

A presidente do STJ, ministra Laurita Vaz, concedeu parcialmente uma liminar em HC ao prefeito eleito em Osasco/SP, Rogerio Lins Wanderley, para determinar que os autos de ação penal contra o político sejam enviados ao TJ/SP em virtude de sua prerrogativa de foro.

O político é denunciado por suposta participação em organização criminosa e estelionato e teve sua prisão preventiva decretada no último 5 de dezembro. De acordo com a denúncia, Rogerio Lins nomeou, durante seu mandato de vereador, assessores fantasmas para a prestação de serviços em seu gabinete.

Após vencer as eleições de 2016, o político foi diplomado em 16 de dezembro. Diante da circunstância, a defesa requereu ao juízo que remetesse os autos do inquérito ao TJ, devido à competência para julgar prefeitos.

Inicialmente o pedido foi negado sob o fundamento de que a prerrogativa de foro do prefeito somente teria início com a posse no cargo. Mas a ministra Laurita entendeu que a competência originária por prerrogativa de função dos titulares de mandatos eletivos firma-se a partir da diplomação.

 

Assim, concedeu parcialmente a liminar, sem a suspensão das medidas cautelares impostas pelo juízo de primeiro grau, para que a Corte estadual ratifique ou não os atos praticados.


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Agosto de 2017
17.08.17 15h51 » STJ condena vereador de Várzea Grande que nomeou latrocida
17.08.17 10h48 » Ministro do STJ nega devolução de celular a ex-chefe da Casa Civil
16.08.17 11h23 » Ministro diz que TJ demonstrou necessidade da prisão de Zaqueu
16.08.17 08h38 » STJ avaliza transferência de militares de MT para presídios federais
16.08.17 08h21 » Ex-secretário entra com pedido para reaver celular apreendido
15.08.17 10h45 » Ex-Casa Militar e ex-adjunto pedem “carona” na soltura de Paulo
14.08.17 15h36 » Ministro do STJ nega liberdade para o ex-comandante da PM
14.08.17 11h28 » Defesa diz que decisão do STJ sobre Zaqueu deve sair até terça
11.08.17 16h28 » Em silêncio, ex-chefe da Casa Civil deixa CCC após uma semana
11.08.17 16h21 » Ministro mantém competência do TJ para investigar ex-secretário



Copyright 2012 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet