Artigos
  • VICTOR MAIZMAN
    Quem exige tributo deve apontar o seu exato valor, com critérios objetivos
  • GISELE NASCIMENTO
    É assustador o tanto de mulheres que têm sido assassinadas em Mato Grosso nos últimos tempos
  • LUIZ FLÁVIO GOMES
    Não agir com igualdade perante todos significa um torpedo contra a própria noção de justiça
T. Superiores / AÇÃO DE INVESTIGAÇÃO

Tamanho do texto A- A+
26.09.2016 | 09h29
TSE retoma oitivas em processo que tenta cassar chapa Dilma-Temer
Coligados ao PSDB também apresentaram dois outros processos contra a chapa
Reprodução
Paulo Roberto Costa será ouvido nesta segunda-feira (26)
DO CONSULTOR JURÍDICO

O ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa será ouvido nesta segunda-feira (26/9), às 17h, em ação de investigação judicial eleitoral contra a chapa PT-PMDB nas eleições de 2014. Também será testemunha o executivo Ildefonso Colares Filho, ex-presidente da construtora Queiroz Galvão. As oitivas estão agendadas no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro e seu conteúdo deve ser sigiloso.

O processo corre no Tribunal Superior Eleitoral e foi movido pela coligação que apoiou o senador tucano Aécio Neves, formada por mais oito partidos. Os autores alegam que a campanha à presidência de Dilma Rousseff – que tinha como vice Michel Temer – cometeu abuso de poder político (como uso de equipamentos públicos para campanha), abuso de poder econômico (gastos acima do limite informado, por exemplo) e abuso dos meios de comunicação social (uso do horário eleitoral em rádio e TV para “veicular deslavadas mentiras”).

Também serão ouvidas outras pessoas durante a semana e no mês de outubro (conforme cronograma abaixo), em diferentes localidades, seguindo o domicílio de cada uma.

Coligados ao PSDB também apresentaram dois outros processos contra a chapa vencedora das eleições: uma ação de impugnação de mandato eletivo e uma representação. A relatora dos casos é a ministra Maria Thereza de Assis Moura.

Veja o calendário com outras oitivas, divulgado pelo TSE:

- 28/9, 10h30 - Elton Negrão de Azevedo Júnior (TRE-MG)


- 29/9, 11h - Monica Regina Cunha Moura (TRE-BA)


- 29/9, 17h - Cláudio Augusto Mente (TRE-SP)


- 7/10, 10h - Giles Carriconde Azevedo (TSE)


- 7/10, 17h - Marcelo Cortes Neri (TRE-RJ)


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Abril de 2018
20.04.18 16h53 » STJ acata recurso e inclui viúva de Beccari como herdeira
06.04.18 17h03 » STJ nega HC a suspeito de liderar esquema de sonegação em MT
06.04.18 14h22 » STJ nega habeas corpus a suspeito de ser mandante
Março de 2018
29.03.18 09h02 » STJ mantém ação contra ex-vereador João Emanuel
27.03.18 15h31 » STJ nega habeas corpus a bispo, preso acusado de liderar esquema
22.03.18 11h00 » TSE cassa mandato do governador de Tocantins, Marcelo Miranda
09.03.18 17h01 » Bimetal consegue reverter entendimento da 1ª Turma do STJ
09.03.18 14h54 » Ministro do STJ nega prisão domiciliar ao deputado Paulo Maluf
06.03.18 15h50 » STJ nega habeas corpus e permite execução antecipada de Lula
06.03.18 09h05 » Superior Tribunal de Justiça decide nesta terça se livra Lula de ser preso



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet