Artigos
  • VICTOR MAIZMAN
    É recorrente a insatisfação e inconformismo da sociedade quanto à elevada carga tributária
  • RENATO NERY
    A imprensa diariamente notícia novos casos de apropriação do espólio da viúva
J. Eleitoral / ESCLARECIMENTO

Tamanho do texto A- A+
21.11.2017 | 10h51
TRE emite alerta sobre notícias de falsa multa de R$ 150
Tribunal informou que valor não é cobrado de eleitores que não comparecerem à biometria
Reprodução
TRE emitiu alerta sobre falsas informações relacionadas à biometria
DA REDAÇÃO

O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso esclarece que é falsa a notícia de que os eleitores que não comparecerem para a biometria serão multados em R$ 150,00. Também é falsa a informação de que a revisão do eleitorado com biometria será encerrada no dia 7 de dezembro deste ano.

A falsa notícia se espalhou neste final de semana por meio de mensagens em áudio e texto no whatsApp e demais mídias sociais, em todo o país.

Veja as informações oficiais:

Neste momento, Cuiabá, Várzea Grande e Sinop passam pela revisão do eleitorado com coleta de dados biométricos. Todos os eleitores destes municípios devem comparecer, sob pena de ter o título cancelado.

O prazo final para a revisão do eleitorado com biometria, nestes três municípios, está previsto para 02 de fevereiro do próximo ano.

Para fazer a biometria, o eleitor deve comparecer a um posto de atendimento com um documento oficial com foto e comprovante de endereço.

Veja locais e horário de atendimento em Cuiabá, Várzea Grande e Sinop:

Em Cuiabá, a revisão acontece na Casa da Democracia, que está situada na Avenida Historiador Rubens de Mendonça, funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, sem intervalo de almoço.

No município de Várzea Grande o atendimento acontece em duas centrais de atendimento ao eleitor: a central que pertence à 20ª e à 58ª zonas eleitorais e funciona na Avenida Castelo Branco, número 47, Centro, e outra central que pertence à 49ª Zona Eleitoral e está situada na Avenida Gonçalo Botelho de Campos, número 2.367, bairro Cristo Rei. Nestas Centrais, o horário de atendimento é das 8h às 18h, de segunda a sexta-feira, sem intervalo de almoço.

Já em Sinop a revisão do eleitorado é realizada nas duas centrais de atendimento ao eleitor instaladas no município: a central da 22ª Zona Eleitoral, situada na Rua das Grevíleas, nº 442, Setor Comercial Sul; e a central da 32º ZE, instalada na Rua das Figueiras, nº 980, Setor Comercial Norte. O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 17h30, sem intervalo de almoço.

Documentos necessários

- Documento oficial de identidade (RG, CNH, Carteira de Trabalho, Carteira Profissional, dentre outros definidos em lei);

- Comprovante de residência (conta de luz, água, telefone, boleto de IPTU, contrato de aluguel, dentre outros definidos pelo Juiz Eleitoral). Os comprovantes devem estar em nome do requerente, de seu cônjuge ou companheiro (a) ou de parente seu em linha reta consanguínea, até o 2º grau (pais, filhos, avós, netos), ou por afinidade, limitando-se, neste último caso, aos ascendentes do cônjuge ou companheiro (sogro e sogra).

- Atenção: A CNH não é aceita como documento de identificação para o alistamento (1º título). 


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Junho de 2018
19.06.18 11h17 » Por 4 a 3, TRE-MT anula cassação de prefeita de Várzea Grande
11.06.18 15h48 » Três votam por manter e dois por revogar cassação de Lucimar
05.06.18 14h21 » Dois votam por anular cassação de Lucimar; julgamento é adiado
Maio de 2018
29.05.18 16h22 » "Sentença contra Lucimar é ilegal, injusta e ilegítima", diz defesa
Abril de 2018
23.04.18 16h50 » Juíza nega ação que acusava Bolsonaro de propaganda irregular
21.04.18 11h10 » Juiz arquiva investigação de suposta fraude na criação do PSD
02.04.18 16h57 » Título de eleitor de transgêneros terá só o nome social, diz Fux
Março de 2018
28.03.18 10h12 » Inquérito investigará WS por crítica a médico primo de Emanuel
13.03.18 10h35 » Juíza reprova contas e manda Julier devolver R$ 101,4 mil
10.03.18 14h00 » “PRE detectou que cassação tinha fundamento inexistente”



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet