Artigos
  • JOAQUIM SPADONI
    Não há desenvolvimento econômico e social de um país fundado em fraudes e esquemas de corrupção
J. Federal / AGASTAMENTO

Tamanho do texto A- A+
20.12.2016 | 17h53
Moro ironiza defesa de Lula em audiência; veja vídeo
Veja o que aconteceu em Curitiba, após o juiz desligar o áudio oficial
Reprodução
No final do vídeo, houve um agastamento entre o advogado de Lula, Cristiano Zanin Martins, e o juiz
DO MIGALHAS

Em audiência em Curitiba, em 16/12, Sérgio Moro estava ouvindo – por meio de videoconferência – José Afonso Pinheiro, ex-zelador do prédio onde fica o Tríplex no Guarujá/SP. No final, houve um agastamento entre o advogado de Lula, Cristiano Zanin Martins, e o juiz.

Moro, então, encerrou a videoconferência, dispensando a testemunha e desligando o áudio oficial. A discussão, no entanto, não terminou. Veja no vídeo exclusivo o que aconteceu.

O juiz Sergio Moro provoca a defesa, perguntando se a testemunha vai sofrer queixa-crime, ou ação de indenização, referindo-se evidentemente às ações movidas pela defesa:

Advogado: "Depende. Quando as pessoas praticam atos ilícitos, respondem pelos atos. Acho que é isso que diz a lei."

Juiz: "Vai entrar com ação de indenização, então, contra ela, doutor?"

Advogado: "Não sei, o senhor está advogando alguma coisa para ela?"

Juiz: "Não sei, a defesa entra contra todo mundo, com queixa-crime, indenização..."

Advogado: "O senhor vai advogar? Eu acho que ninguém está acima da lei. Então, da mesma forma como as pessoas estão sujeitas a determinadas ações, as autoridades também devem estar."

Juiz: "Tá bom, doutor. Uma linha de advocacia muito boa..."

Advogado: "Faço o registro de Vossa Excelência e recebo como um elogio."

Juiz: "Tá bom."


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Maio de 2017
25.05.17 14h14 » Juiz condena Eder e advogados por esquema de corrupção
08.05.17 08h56 » Justiça do Paraná proíbe manifestações de apoio a Lula
05.05.17 10h00 » Juiz nega novo pedido e autoriza o “correntão” em MT
05.05.17 08h30 » Juiz condena morador de MT a 15 anos por terrorismo
03.05.17 08h38 » Estelionato judicial é crime impossível, decide juiz federal de SP
02.05.17 09h53 » Juiz nega absolvição sumária de Riva e Janete em ação
01.05.17 16h28 » CRM de SP aciona UFMT para suspender revalidação de diplomas
Abril de 2017
14.04.17 16h23 » Delator: propina era paga a Eder por doleiros em SP; veja vídeo
14.04.17 16h17 » Delator: ministro de Dilma intermediou R$ 1 milhão para Lúdio
14.04.17 16h14 » Ex-sefaz e procuradores de MT são acusados de receber R$ 990 mil



Copyright 2012 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet