Artigos
  • LUIZ HENRIQUE LIMA
    Ainda não decidi em QUEM vou votar nas próximas eleições, mas em QUE vou votar
J. Estadual / BERERÉ

Tamanho do texto A- A+
06.04.2018 | 15h59
Gaeco deve ouvir mais 18 pessoas até o dia 13; veja lista
Ação investiga a acusação de pagamento de propina a políticos de Mato Grosso
Alair Ribeiro/MidiaNews
Integrantes do Gaeco dão cumprimento a mandado de busca durante a Operação Bereré
DA REDAÇÃO

O Ministério Público Estadual já ouviu oito pessoas nas investigações relativas à Operação Bereré, que apura um esquema de pagamento de propina no âmbito de um contrato da empresa FDL Serviços de Registro (atual EIG Mercados) com o Detran.

Até agora, foram ouvidos os deputados Ondanir Bortolini, Wilson Santos, e Romoaldo Junior, além de Antonio Eduardo da Costa e Silva, Sílvio Cezar Araújo, Pedro Henry, Dauton Vasconcelos e Maria de Fatima Azoia Pinoti.

Henry e Vasconcelos estavam sendo ouvidos na tarde desta sexta-feira.

A Operação Bereré foi desencadeada em fevereiro com o cumprimento de mandados de busca e apreensão na Assembleia Legislativa, em imóveis e escritórios, além da sede da empresa em Brasília.

Foram alvos o presidente da Assembleia Legislativa, Eduardo Botelho, o deputado estadual Mauro Savi, Henry, servidores públicos, empresas e particulares.

A operação é desdobramento da delação premiada do ex-presidente do Detran, Teodoro Moreira Lopes, o "Dóia". Ele revelou esquemas de corrupção na autarquia, iniciados em 2009, e que renderia, ao menos, R$ 1 milhão por mês.

No mês passado, o desembargador José Zuquim Nogueira, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJ-MT), autorizou a extensão das investigações da operação em

relação a mais cinco deputados estaduais.

Assim, Romoaldo Júnior, José Domingos Fraga, Wilson Santos, Ondanir Bortolini e Baiano Filho passaram a ser alvos da operação.

Veja os próximos depoimentos:

1.José Domingos Fraga Filho – 10/04, às 10h

2. Luiz Fernando da Silva Flaminio – 10/04, às 10h30

3. Marilci Malheiros Fernandes de Souza Costa e Silva – 11/04, às 10h

4. Dalmi Fernandes Defanti Jr – 11/04, às 10h30

5. Elias Pereira dos Santos Filho – 11/04, às 10h30

6. Francisvaldo Mendes Pacheco – 11/04, às 14h30

7.José Joaquim de Souza Filho – 12/04 – às 10h

8. Gleicione Pacheco Tomas – 12/04 – às 10h30

9. José Eugênio de Andrade Jacob Rodrigues – 12/04, às 14h30

10. Lindomar Correira Rodrigues – 12/04, às 14h30

11. Luciana Rodrigues de Lima – 12/04, às 16h

12. Marcelo Savi – 12/04, às 16h

13. Olindeval Soares Santos – 13/04, às 10h30

14. Omar Mustafá Fares – 13/04, às 10h30

15 . Raimundo Gomes Parrião – 13/04, às 14h30

16. Rodolfo Adriano Roriz Araújo – 13/04, às 14h30

17. Silas de Freitas Rayel – 13/04, às 16h

18. Valdecir Cardoso de Almeida – 13/04, às 16h


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Julho de 2018
21.07.18 10h23 » Juizado Ambiental autoriza banho na cachoeira da Salgadeira
20.07.18 18h14 » Desembargador não vê fato novo e mantém prisão de Mauro Savi
20.07.18 15h32 » Estado terá que indenizar mãe de garoto morto pela PM em Cuiabá
20.07.18 11h03 » Juiz retoma ação e marca audiência para definir oficiais julgadores
20.07.18 09h57 » Vara recebe denúncia e Arcanjo terá que se explicar em audiência
19.07.18 14h49 » Zuquim veta vistoria de procuradores da AL em cela de Savi
19.07.18 14h44 » Justiça condena PMs flagrados recebendo propina de motorista
18.07.18 16h54 » Testemunha: acusado pelo assassinato teria ligação com facção
17.07.18 17h04 » TJ acata recurso do Estado e mantém suspensão de contrato
17.07.18 11h01 » Após retratação, Fagundes abandona queixa e TJ arquiva ação



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet