Artigos
  • LUIZ FLÁVIO GOMES
    Processo que apeou do poder a ex-presidente foi golpe ou merda expulsão de ladrões?
  • GISELE NASCIMENTO
    Toda disputa exige o prévio conhecimento das regras, mas também o uso de boa técnica
J. Estadual / DISPUTA NA FMF

Tamanho do texto A- A+
14.04.2017 | 16h27
Juíza nega anular eleição e confirma Aron como presidente
Adversário alegou em ação que empresário não poderia assumir o cargo
Marcus Mesquita/MidiaNews
O empresário Aron Dresch, que irá comandar a Federação Mato-grossense de Futebol
DA REDAÇÃO

A juíza Tatiane Colombo, da 6ª Vara Cível da Comarca de Cuiabá, negou pedido do atual presidente da Federação Mato-grossense de Futebol (FMF), João Carlos Oliveira Santos, que pretendia anular as eleições da nova diretoria da entidade, realizada no dia 16 de março.

Com isso, fica mantida a vitória do presidente licenciado do Cuiabá Esporte Clube, Aron Dresch.

Na ação, João Carlos Oliveira alegou que Dresch não poderia assumir o cargo porque teve sua chapa impugnada pela Comissão Eleitoral da FMF.

Segundo o documento, a chapa do empresário teria cinco assinaturas inválidas, o que faria com que ele não possuísse o número de assinaturas suficientes para o registro.

A votação, no entanto, foi realizada após uma assembleia-geral realizada na dia da eleição. Isto porque o estatuto da Federação prevê que uma decisão tomada em assembleia-geral é soberana em relação a qualquer outra.

A magistrada entendeu que não houve vícios na forma como foram tomadas as decisões da Assembleia Geral Eletiva, em razão dos julgamentos administrativos que foram realizados na ocasião do pleito.
 
“A Assembleia Geral possuía competência suficiente para reformar a decisão da Comissão Eleitoral, razão pela qual não vislumbro nulidade de que a Assembleia Geral não poderia analisar o pedido”, disse a juíza Tatiane.


Aron Dresch, que encabeçou a chapa “Renovação”, recebeu 22 votos, enquanto que João Carlos Oliveira recebeu somente 15 votos
 
“Mais uma vez a Justiça comprovou que a eleição foi pautada sobre a idoneidade, a legalidade jurídica e respeito aos associados da FMF e cada atleta, presidente de clube ou torcedor deste Estado”, afirmou Joaquim Spadoni, assessor jurídico de Aron Dresch.

Leia mais:

Aron Dresch vence disputa e é o novo presidente da Federação


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Abril de 2018
25.04.18 17h44 » TJMT extingue ação que visava tabelar honorários advocatícios
24.04.18 18h40 » Juiz marca interrogatórios de acusados e delatores da Seven 2
24.04.18 15h44 » Juíza pede manutenção de escolta em razão de ameaças; TJ avalia
24.04.18 14h34 » Juíza manda MST desocupar fazenda dada por Silval em delação
24.04.18 13h58 » Juíza condena ex-donos de autoescolas por venda de CNHs
24.04.18 13h10 » Desembargadora quer esclarecimento sobre trâmite de contas do Governo
23.04.18 16h37 » Juiz quer saber se filho menor depende exclusivamente de médica
23.04.18 16h19 » Irmão de sócio da EIG recebeu repasse de R$ 65 mil de Ezequiel
23.04.18 15h33 » Henry é multado por deixar pacientes e criança sem remédios e UTI
21.04.18 17h00 » TJ nega novo recurso e obriga Bezerra e Teté a pagar engenheiro



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet