Artigos
  • VICTOR MAIZMAN
    A propriedade foi adquirida pela Princesa Isabel e pelo Conde d'Eu com o dinheiro do dote dado pelo Estado para o casamento da Princesa
  • GONÇALO ANTUNES DE BARROS
    As gerações futuras precisam ouvir a voz que desta ainda aprisionam

Tamanho do texto A- A+
03.07.2018 | 16h57
MPF e PF: omissão
Inquéritos de MT poderão ser arquivados por excesso de prazo
DA REDAÇÃO
Dias Toffoli

O ministro Dias Toffoli, do STF

Autoridades de Mato Grosso investigadas pelo MPF e Polícia Federal poderão ter seus inquéritos arquivados por excesso de prazo.

Segundo o site O Antagonista, vários ministros do Supremo Tribunal Federal estão usando a argumentação, diante da omissão da PGR e da Polícia Federal.

"A maioria desses inquéritos sobre crimes de autoridades com foro de prerrogativa é superficial, uma espécie de disse-me-disse. Os investigadores se limitam a ouvir os investigados, que se contrapõe aos delatores", afirma o site.

"Não há quebras de sigilo telefônico ou telemático, nem mesmo relatórios de inteligência financeira (RIF) – capazes de esquadrinhar todas as transações de determinado investigado", completa.

O fato é que, em alguns casos, chegam a ser escandalosas as acusações - e o consequente linchamento público - sem o mínimo de materialidade no devido processo legal.


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet