Artigos
  • LUIZ FLÁVIO GOMES
    O habeas corpus protocolado em favor do ex-presidente Lula começou juridicamente errado

Tamanho do texto A- A+
10.10.2017 | 09h56
Agressão
Ministério Público Estadual diz que deputado não merece benefício
DA REDAÇÃO

Alair Ribeiro/MidiaNews

Oscar Bezerra

O deputado estadual Oscar Bezerra, que foi denunciado pelo MPE

O promotor de Justiça Antonio Sérgio Cordeiro Piedade, que denunciou o deputado estadual Oscar Bezerra (PSB) pela agressão a um jornalista em Juara, não viu condições de oferecer-lhe a chamada transação penal.

A medida é aplicada quando um acusado assume a culpa por um crime de menor poder ofensivo, sendo obrigado a pagar multa ou sofrer algum tipo de restrição, como impedimento de sair à noite e realização de serviços comunitários.

Segundo Antonio Piedade, o deputado, no entanto, não possui condições de ser beneficiado pela medida, uma vez “que já possui um termo circunstanciado em tramitação no Tribunal Pleno, bem como responde a outras ações penais”.


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Julho de 2012
30.07.12 08h44 » Seleção de estágio
28.07.12 00h06 » Tensão na OAB
27.07.12 15h26 » Crime organizado
27.07.12 15h21 » Polêmica jurídica
27.07.12 13h44 » Pontes e Lacerda
26.07.12 15h44 » Site do STJ
26.07.12 11h33 » Articulação
25.07.12 16h47 » Inquérito no MPE
25.07.12 13h40 » Informe do TSE
24.07.12 13h51 » Congresso em Manaus



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet