Artigos
  • RENATO GOMES NERY
    O Brasil é o paraíso para se levar vantagem em tudo; tudo é negociado
  • VICTOR MAIZMAN
    De forma absurda é preciso criar órgãos para fiscalizar os órgãos de fiscalização
/ TRAGÉDIA EM BRUMADINHO

Tamanho do texto A- A+
11.02.2019 | 17h00
Toffoli pede à Vale para evitar ações judiciais e buscar acordos
"O acordo é o melhor caminho”, disse presidente do Supremo Tribunal Federal
Carlos Humberto/SCO/STF
O ministro Dias Toffoli, presidente do STF
DO BLOG DA ANDRÉIA SADI

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, recomendou ao diretor jurídico da Vale, Alexandre D' Ambrosio, evitar a judicialização de pedidos de indenização feitos pelas vítimas do rompimento da barragem em Brumadinho (MG) e orientou a empresa a buscar acordos com as famílias. Toffoli se reuniu com o Ambrosio na semana passada, no STF.

“Não interessa a ninguém a imagem ruim da Vale, mas, em primeiro lugar, a empresa precisa resolver a vida dessas pessoas que são vítimas do rompimento da barragem de Brumadinho. O acordo é o melhor caminho”, disse o ministro, perguntado pelo blog.

No encontro, Toffoli falou também do observatório que vai monitorar grandes tragédias anunciado por ele e pela procuradora-geral da República, Raque Dodge, no fim de janeiro. O grupo vai monitorar questões econômicas, ambientais e sociais complexas e de grande repercussão.

Segundo Toffoli, a medida é pedido de desculpa por vítimas de tragédias.


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:



Copyright © 2019 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet