Artigos
  • GISELE NASCIMENTO
    A data tão esperada de 20 de dezembro se aproxima, momento em que para os que trabalham com o Direito quase tudo para
  • LEONARDO CAMPOS
    Fim do Exame de Ordem vai à contramão do desejo da sociedade
/ AMEAÇA A JUIZ

Tamanho do texto A- A+
10.08.2018 | 15h25
Preso: “Resolva a situação ou o trem vai ficar feio para vocês”
Criminoso exigia que juiz liberasse a esposa dele, presa durante operação contra o Comando Vermelho
Alair Ribeiro/MidiaNews
Juiz Marcos Faleiros, da Vara contra o Crime Organizado, que deferiu mandados de prisão na operação
JAD LARANJEIRA
DA REDAÇÃO

Um boletim de ocorrência registrado por um familiar do juiz Marcos Faleiros, da Vara Contra o Crime Organizado, revela como um homem que seria membro do Comando Vermelho fez ameaças após a mulher dele ser presa na Operação Red Money.

Conforme o BO, registrado sob o número 2018.249201, a ameaça ao parente do magistrado ocorreu na quarta-feira (8), ainda durante a ação dos policiais. 

Segundo o documento, o criminoso ligou para o parente do juiz por meio de aplicativo de voz do WhatsApp, e falou: “Cara, resolva essa situação com o juiz, senão o trem vai ficar feio para o lado de vocês”.

O suspeito foi identificado e preso pela Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO) durante a audiência de custódia da mulher dele no Fórum de Cuiabá, nessa quinta-feira (9). 

Conforme o BO, o criminoso teria dito à vítima que estava ligando de dentro de um presídio e reclamou sobre a prisão da esposa dele durante a operação, bem como do mandado de busca cumprido na casa dele, que resultou na apreensão de uma "grande quantia de dinheiro e uma arma".

A vítima relatou, ainda, que no momento em que recebeu a ligação não sabia da deflagração da ação.

À polícia, ele afirmou que o preso ainda justificou a ameaça feita, contando que tem dois filhos pequenos com a mulher e que dependiam dos cuidados dela.

Quando questionou o criminoso sobre quem teria passado o número de seu celular, a vítima recebeu como resposta que havia sido uma advogada, mas o preso não teria informado o nome da mulher.

A reportagem tentou contato com juiz Marcos Faleiros, por telefone, mas não conseguiu resposta até a publicação desta matéria. 

Red Money

A Operação Red Money foi deflagrada na quarta-feira e resultou no cumprimento de 94 mandados de prisão preventiva contra membros do Comando Vermelho em Mato Grosso. As ordens judiciais foram deferidas pelo juiz de direito, Marcos Faleiros.

A ação desmontou um esquema de arrecadação de dinheiro desenvolvido pela facção Comando Vermelho, cujos capitais são oriundos de pagamento de mensalidade de membros da organização e traficantes e taxas de falsa segurança em comércios.

Foram apreendidos mais de 60 veículos - que juntos somam aproximadamente R$ 1,7 milhão – além de joias e dinheiro.

Uma fazenda apreendida fica localizada em Salto do Céu. Além disso, duas empresas de informática, localizadas em Várzea Grande, foram interditadas. Elas seriam usadas, segundo a polícia, para lavagem de dinheiro.

Durante as investigações, a polícia identificou que os criminosos movimentaram cerca de R$ 50 milhões por meio de 44 contas bancárias, entre entradas e saídas.

A facção arrecadava, por mês, cerca de R$ 170 mil - mais de R$ 1,2 milhão por ano - com as mensalidades pagas pelos membros, além de outras fontes de sustentabilidade da organização criminosa.

Leia mais sobre o assunto:

Polícia prende acusado de mandar recado com ameaças a juiz

Operação contra facção prendeu 94 e apreendeu mais de 60 carros

Facção movimentou R$ 52 milhões em um ano e meio, diz Polícia

 

Polícia Civil cumpre 94 ordens de prisão contra facção em MT


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet