Artigos
  • GONÇALO ANTUNES DE BARROS
    Sabemos que há individualidade por haver uma historicidade vivida por cada qual

Tamanho do texto A- A+
12.07.2018 | 16h02
Presos na Bereré
Relator do caso falta e TJ não julga soltura de empresários
DA REDAÇÃO
José Kobori - GAECO

O empresário José Kobori está preso desde o dia 9 de maio; pedido de soltura adiado

O Pleno do Tribunal de Justiça de Mato Grosso adiou, nesta quinta-feira (12)o julgamento dos pedidos de soltura dos empresários José Kobori e Roque Anildo Reinheimer, ex-diretor-presidente da EIG Mercados e sócio da Santos Treinamento, respectivamente.

Os dois foram presos no dia 9 de maio, na 2ª fase da Operação Bereré, que apura esquema de fraude, desvio e lavagem de dinheiro no âmbito do Detran-MT, na ordem de R$ 30 milhões, que operou de 2009 a 2015.

Os pedidos foram retirados de pauta por conta da falta justificada do relator do caso, desembargar José Zuquim Nogueira.

A informação é de que magistrado passou por uma cirurgia odontológica e não pôde comparecer.

Não há uma data definida para que os pedidos sejam analisados.


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet