Artigos
  • GONÇALO ANTUNES DE BARROS
    Sabemos que há individualidade por haver uma historicidade vivida por cada qual

Tamanho do texto A- A+
09.06.2018 | 10h59
O tempo fechou...
Alvos da Operação Bereré amargam derrotas sucessivas na Justiça
DA REDAÇÃO
Pedro Jorge Zamar Taques - Operação Bônus

O advogado Pedro Jorge Taques, que ainda aguarda decisão da ministra Maria Moura

Presos há quase um mês, os alvos da Operação Bereré amargam sucessivas derrotas na Justiça. Na operação, foram detidos o deputado estadual Mauro Savi (DEM); o ex-secretário-chefe da Casa Civil, Paulo Taques, e seu irmão Pedro Jorge Taques; os empresários Roque Anildo Reinheimer e Claudemir Pereira dos Santos, proprietários da Santos Treinamento; e o empresário José Kobori, ex-diretor-presidente da EIG Mercados.

Eles tentaram conseguir a soltura diretamente com o desembargador José Zuquim, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, sem sucesso.

No STJ, Kobori e Paulo Taques já tiveram a liberdade igualmente rejeitada pela ministra Maria Moura, que ainda irá analisar o habeas corpus de Pedro Jorge Taques.

Mauro Savi também não conseguiu suspender a investigação no STJ e, apesar do parecer favorável na Assembleia, não conseguiu ter a soltura autorizada por Zuquim.

Além disso, a maioria do Pleno do Tribunal de Justiçaj á votou por manter a prisão do parlamentar.


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet