Artigos
  • JUNIOR MACAGNAM
    Em mais de 30 anos de democracia, de que valeu o foro especial? Apenas para a corrupção
  • VICTOR MAIZMAN
    Pela iniciativa popular, podem ser criadas não somente leis, como também, revogá-las
  • CARLOS RAFAEL DE CARVALHO
    Medida deve ser avaliada com ressalvas porque pode beneficiar mais aos bancos do que aos consumidores

Tamanho do texto A- A+
09.05.2018 | 15h05
Cartas de crédito
Procurador é convocado por CPI da Assembleia Legislativa
DA REDAÇÃO
Paulo Prado

O procurador de Justiça, Paulo Prado, que deverá ser ouvido em CPI do MPE

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Ministério Público – que se arrasta há mais de dois anos na Assembleia Legislativa – deverá realizar, nos próximos dias, uma oitiva com o procurador de Justiça Paulo Prado, que já comandou o MPE.

A informação foi confirmada pelo presidente da CPI, deputado Oscar Bezerra (PSB). Segundo ele, a convocação de Prado já foi realizada e o depoimento será aberto.

A CPI foi criada no final de 2015 para investigar possíveis irregularidades na emissão e pagamentos de cartas de crédito, no valor de R$ 7,9 milhões, a 47 membros do MPE, no ano de 2009.

No final do ano passado, os membros da comissão colocaram todos os atos da investigação em sigilo.

 


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet