Artigos
  • LUIZ FLÁVIO GOMES
    O habeas corpus protocolado em favor do ex-presidente Lula começou juridicamente errado

Tamanho do texto A- A+
27.04.2018 | 15h36
Defaz e MPE
Ex-secretário Luiz Carlos Nigro também foi grampeado em operação
DA REDAÇÃO

Alair Ribeiro/MidiaNews

luiz carlos nigro

Luiz Carlos Nigro, ex-adjunto de Turismo, também foi grampeado

O ex-secretário adjunto de Turismo, Luiz Carlos Nigro, também é alvo das investigações do Ministério Público Estadual (MPE) e da Delegacia Fazendária envolvendo supostos esquemas de fraudes relacionados à concessão de linhas de transportes intermunicipais de passageiros.

Nigro, que deixou o governo no início deste mês, teve dois de seus telefones celulares interceptados com autorização da Justiça.

Um dos diálogos dele com Eduardo Moura, ex-presidente da Ager - também investigado, e alvo de busca e apreensão - é considerado suspeito e "revelador" pelos promotores de Justiça e delegados que investigam o caso.


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet