Artigos
  • VICTOR MAIZMAN
    Juridicamente é irrelevante o nome que se dá ao tributo, devendo ser definido o tributo através de seu fato gerador
  • RENATO GOMES NERY
    Não pode a Justiça afirmar que tal cor um dia é preta e no outro dia é branca; isto leva ao descrédito
  • VALBER MELO E FILIPE MAIA BROETO
    Ao implementar-se o método do discovery, eliminar-se-ão os "blefes", os "trunfos", as "jogadas desleais", bem como os eventuais "jogadores espertos"

Tamanho do texto A- A+
19.04.2018 | 17h31
Hospital Jd. Cuiabá
Audiência de conciliação no Fórum termina em baixaria
DA REDAÇÃO
ARILSON

O médico Arilson Arruda, que perdeu a gestão do hospital

Uma audiência de conciliação entre as partes que disputam o comando do Hospital Jardim Cuiabá, realizada nesta quarta-feira (18), no Fórum de Cuiabá, acabou em baixaria.

Os médicos Fares Hamed Abouzeid Fares e Arilson Arruda, que perderam a gestão da unidade por decisão do Tribunal de Justiça, não se entenderam com os outros 12 sócios.

O interessante é que os dois são sócios junto com os outros 12 médicos, e ambos detêm, juntos, mais de 40% das ações.

"O que mais teve foi lavação de roupa suja e xingamento. E o incrível é que parece que ninguém está preocupado com a imagem do hospital, que está indo pro buraco", disse um dos participantes.

 


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet