Artigos
  • VICTOR MAIZMAN
    Em qualquer esfera do Poder Público, o cidadão não pode ficar submisso às regras desprovidas de razoabilidade

Tamanho do texto A- A+
19.04.2018 | 10h25
Facão no TCE-MT
Substituto demite ex-secretário de Estado de Saúde
DA REDAÇÃO
Agostinho Moro

O ex-assessor Agostinho Moro, que foi demitiro por substituto

Aos poucos, talvez para não chamar atenção, os conselheiros substitutos do TCE-MT estão demitindo os principais assessores dos cinco titulares afastados pelo STF.

Há dias, foi a vez de Agostinho Moro, chefe de gabinete de Valdir Teis e ex-secretário de Estado de Saúde.

Ele, que recebia salário de R$ 14 mil, foi exonerado pelo conselheiro substituto João Batista de Camargo Júnior.

Segundo comentários no próprio TCE-MT, a "demissão em massa" dos braços direitos dos afastados - Valdir Teis, Sérgio Ricardo, Valter Albano, Antônio Joaquim e José Carlos Novelli - revelaria a convicção, por parte dos substitutos, de que os titulares não retornarão aos cargos tão cedo.

 

agostinho


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:



Copyright © 2018 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet