Artigos
  • GISELE NASCIMENTO
    Decisões que atestam o “mero aborrecimento” em casos de desrespeito ao consumidor estimulam o “mero abuso”
  • HÉLCIO CORRÊA
    Não vale mais baratear debate prisional no Brasil ou ficar inutilizando recursos públicos no modelo vingativo e ineficaz
  • VICTOR MAIZMAN
    Cláusula do Devido Processo Legal assegura que ninguém será privado de seus bens, sem o processo legal
  • GONÇALO DE BARROS
    Nas redes sociais, os julgamentos são mais abertos, transparentes; a exceção é o anonimato

Tamanho do texto A- A+
07.12.2017 | 10h43
Grampos S/A
Cabo da PM quer "entregar" autoridades
DA REDAÇÃO
gerson luiz ferreira correa junior

O cabo Gérson Corrêa, que quer fazer delação bombástica

O cabo PM Gérson Corrêa, acusado de participar do esquema de grampos ilegais em Mato Grosso, quer fazer uma delação premiada.

Segundo apurou a coluna, ele quer fechar o acordo oferecendo informações importantes sobre os bastidores da "grampolândia" ocorrida no Estado.

Além disso, ele pretende "entregar" autoridades que estariam envolvidas no esquema, que grampeou personalidades políticas, advogados e jornalistas.

Gérson Corrêa acredita que está pagando o pato sozinho. Ele está preso desde 23 de maio.

Em novembro, ele foi à Justiça Federal prestar depoimento, após as investigações terem subido para o Superior Tribunal de Justiça. O ministro Mauro Campbell é o responsável pelo caso.


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:
Dezembro de 2017
15.12.17 08h51 » Inferno de Savi
14.12.17 08h49 » Disputa no TCE-MT
13.12.17 21h00 » Lucro abusivo
12.12.17 08h45 » Afastado do TCE
11.12.17 15h52 » Grampolândia
11.12.17 12h00 » Monitorado
07.12.17 17h00 » Supremo bate-boca
07.12.17 10h43 » Grampos S/A
07.12.17 09h00 » Justiça
06.12.17 08h35 » “Gravidade”



Copyright 2012 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet