Artigos
  • VICTOR MAIZMAN
    Em tempos de “lives” e da mudança de hábito, me surpreendi positivamente com atitude da cantora
  • LUIZ HENRIQUE LIMA
    Em 2013, publiquei o meu primeiro artigo sobre a controvérsia do FEX
/ ACUSADO DE TRÁFICO

Tamanho do texto A- A+
16.05.2020 | 11h04
TJ nega pedido do MPE para mandar vereador de VG de volta à cadeia
Desembargador diz que Calistro não foi solto apenas pela Covid, mas porque MPE não o denunciou
VG Notícias
TJ nega pedido do MPE para mandar vereador de VG de volta à cadeia
LIDIANE MORAES
DO FOLHAMAX

A Terceira Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJ-MT), em sessão realizada na última quarta-feira (13), julgou o mérito do pedido de habeas corpus impetrado pela defesa do vereador de Várzea Grande, Calistro Lemes do Nascimento, o Janio Calistro.

Por unanimidade, os desembargadores mantiveram a substituição da prisão preventiva por medidas cautelares.

O vereador foi preso em novembro do ano passado, durante a operação ‘Cleanup’, sob suspeita de tráfico de drogas e participação em organização criminosa.

Em março deste ano, o desembargador Gilberto Giraldelli já havia concedido a liberdade provisória ao vereador. Na época, os argumentos divulgados foram de que Calistro pertence ao grupo de risco do coronavírus por ser hipertenso e diabético.

Entretanto, na sessão de quarta, Giraldelli afirmou que não foi essa a motivação a concessão da liminar, e sim, um fator processual. Segundo ele, inicialmente o vereador foi acusado de compor organização criminosa, argumento que não está presente na denúncia do Ministério Público Estadual. 

Dessa forma, ele considerou apenas a denúncia por suposto tráfico de drogas, que tem imputação mais leve e justifica a decisão para ele responder pelo crime em liberdade.  

Essa informação foi confirmada pelo advogado de Jânio Calistro, Ricardo Monteiro. De acordo com o advogado, o vereador foi denunciado, porém, ainda não foi citado no processo que tramita na Comarca de Várzea Grande.

Ele explicou que as cautelares que o vereador deve cumprir está não deixar a cidade, informar endereço caso mude e comparecer ao Fórum mensalmente para comprovar suas atividades.


Voltar   

Nenhum Comentário(s).
Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia
Comente está matéria

Confira também nesta seção:



Copyright © 2020 Midia Jur - Todos os direitos reservados
Trinix Internet